17/07: Produtor cultural Lulinha lança sua primeira obra literária no Recife.

17/07: Produtor cultural Lulinha lança sua primeira obra literária no Recife.

“O meu lema de vida é Foco, Força e Fé. A minha saudação é Paz e Bem, e luto por mais Amor entre as pessoas todos os dias. Essa é a minha verdadeira Caixa de Natal”.

 

 

Produtor cultural há 25 anos, Luiz Carlos, mais conhecido como Lulinha, lança sua primeira obra literária no Recife. “Amanhã é se Deus Quiser” é um livro de reflexão que traz situações simples do dia a dia que pretende provocar as pessoas para que reflitam sobre temas como foco, força e fé. O lançamento acontece no próximo sábado (17), no Café Santa Clara, em Boa Viagem, a partir das 15h.

 

Lulinha tem sua carreira com várias experiências artísticas, dentre elas, elaboração de projetos culturais, assessoria especializada na arte, com produção executiva de artistas e confecção de bonecos gigantes. Atualmente é idealizador do Projeto Caixa de Natal, onde quarenta crianças e jovens do coral do movimento Pró-criança abrem a noite no período natalino, cantando lindas canções das janelas do prédio da Caixa Cultural Recife. Um espetáculo emocionante das janelas do prédio da Caixa Cultural.

 

Lulinha é católico, e no livro pretende fazer com que as pessoas reflitam sobre sua rotina diária, sobre situações que parecem não ter solução. “É um livro de reflexão, sou uma pessoa bem especial, muito voltado para o espiritual, pra Deus. Sou Católico, sou um bom cristão, um bom católico. E por tudo aquilo que já passei, eu queria compartilhar com as pessoas sobre coisas simples, situações do nosso dia a dia, que a gente pode resolver com simplicidade e terminamos fazendo uma tempestade no copo d’água. Eu vou provocar as pessoas, eu vou fazer com que elas reflitam sobre temas, sobre foco, sobre força, sobre fé. Que ao contrário é a fé, força e foco sobre tomadas de decisões, sobre escolhas, sobre a renovação da fé, sobre a nossa grande missão, de a cada dia estarmos mais próximos de Deus. Um livro edificante, um livro com um conteúdo de início, meio e fim, e eu utilizo como base a minha história”, acrescentou.

 

Sobre a situação do mundo com a pandemia, Lulinha acredita que é um momento de refletir, parar um pouco e compreender o momento para refletir sobre nós mesmos. “Também tenho uma passagem da covid. É um livro super pertinente para o momento que estamos vivendo. Então, o tema central é FOCO, FORÇA E FÉ. Eu não sou perfeito, mas eu procuro sempre ficar mais próximo de Deus. Deus é perfeito. Eu falo das tentações mundanas, do qual o mundo precisava desse freio imposto pela covid na verdade, pra gente voltar a rever nossos valores, nossos conceitos”, destacou.

 

Lulinha finaliza com uma mensagem de reflexão a todos os leitores. “Me tornei líder da minha caminhada. No momento em que você olha para o lado e vê que você não é líder da sua caminhada, que o amigo lida suas regras, que o esposo dita as suas regras, que tua família dita o que você tem que fazer, está errado. Você tem que voltar para o início e tem que se declarar líder da sua caminhada”, finalizou.

 

imagem: Luiz Carlos